Notícias

02/01/2019 - Notícia

Michelle Bolsonaro torna-se a única primeira-dama da história do país a discursar em posse presidencial

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Confiante e desenvolta, esposa de Jair Bolsonaro se pronunciou em Libras, demonstrando sua disposição para atuar pela causa da comunidade surda e outras minorias
 
Se “empoderamento” significa “dar-se poder, autoridade, autonomia”, podemos dizer que Michelle Bolsonaro é uma mulher empoderada. Em um marco histórico para o Brasil, a nova primeira-dama não quis ficar nos bastidores: antes mesmo do pronunciamento do presidente ao povo, quebrando o protocolo, ela tomou a frente e discursou no parlatório do Palácio do Planalto. 

A verdade é que: apesar de já ter sido injustamente rotulado por alguns opositores de “machista”, Jair Bolsonaro concedeu à sua esposa um verdadeiro protagonismo. Após o gesto, Michelle tornou-se a única primeira-dama da história do Brasil a discursar em uma posse presidencial. 

Além de inédito, o ato foi de emocionar. A manifestação de Michelle ocorreu por meio de Libras (Língua Brasileira de Sinais), a fim de homenagear a comunidade surda e expor sua vontade de, cada vez mais, trabalhar pela inclusão das pessoas com deficiência. 

O pronunciamento da primeira-dama arrancou lágrimas não só do público, mas também do presidente e da intérprete que traduzia, simultaneamente, o discurso. 

“Gostaria, de modo muito especial, de dirigir-me à comunidade surda, às pessoas com deficiência e a todos aqueles que se sentem esquecidos: vocês serão valorizados e terão seus direitos respeitados. Tenho esse chamado no meu coração e desejo contribuir na promoção do ser humano”, declarou a primeira-dama. 

Agora, que os bastidores ficaram para trás, ela avisa que vai assumir o protagonismo no que é a sua grande paixão: a assistência social.

“Agradeço a Deus essa grande oportunidade de poder ajudar as pessoas que mais precisam. Trabalho de ajuda ao próximo que sempre fez parte da minha vida e que, a partir de agora, como primeira-dama, posso ampliar de maneira ainda mais significativa”, afirmou Michelle. 

Quem é Michelle Bolsonaro?

Michelle de Paula Firmo Reinaldo Bolsonaro tem 38 anos e surpreende por seu jeito simples e sua simpatia. Nascida e criada em Ceilândia (DF), é filha de Maria das Graças Firmo Ferreira e do cearense Vicente de Paulo Reinaldo, cujo apelido é "Paulo Negão”.

Foi quando atuava como assessora parlamentar na Câmara dos Deputados que conheceu o marido, hoje presidente Jair Bolsonaro, com quem teve a filha Laura. Michelle já tinha uma filha, Letícia, de 16 anos. 

Discreta, Michelle se manteve, por muito tempo, longe dos holofotes. Nas poucas vezes em que Michelle falou às câmeras, pôde demonstrar sua profunda admiração por Jair Bolsonaro. 

“O Jair... Ele tem um brilho no olhar diferenciado. Ele é um cara humano, é um cara que se preocupa com as pessoas. Ele é muito brincalhão, muito natural, muito dado. Ele é um ser humano maravilhoso. Quem conhece, quem convive sabe que ele é assim. É o meu amor, né?”, disse em um vídeo durante a campanha. 

A primeira-dama do Brasil é ativista de causas sociais e inclusivas e faz parte do Ministério de Surdos da Igreja Batista Atitude, na Barra da Tijuca, onde atua como intérprete de Libras nos cultos. Ela conta que tem um tio surdo e que isso fez despertar nela o amor por Libras. 

O vigor e a simplicidade dela não são só uma primeira impressão. Os amigos mais próximos contam que Michelle é uma mulher simples, doce, tímida, e ao mesmo tempo, forte e decidida. Como mãe, é linha dura e, como esposa, também, sendo ela quem dita as regras em casa, para proteger, especialmente, as filhas, fazendo com que cresçam num ambiente tranquilo e privado.